Conheça os principais mitos e verdades sobre as rodas de liga leve

Elas são resistentes, bonitas e, nos últimos anos, passaram a fazer parte da lista de desejos de muitos proprietários de veículos. Estamos falando sobre as rodas de liga leve, item que antes podia ser encontrado somente em carros luxuosos, mas hoje está ao alcance de uma gama muito maior de consumidores e, em alguns casos, já vem de fábrica nos modelos de carros.

As rodas de liga leve são compostas de materiais práticos de serem trabalhados devido à facilidade com que eles podem ser moldados — silício, titânio e alumínio. Esse fato torna possível encontrar no mercado esse modelo de rodas em diversos tamanhos e cores, aumentando as opções que o motorista tem à sua disposição.

No entanto, há mitos e verdades sobre as rodas de liga leve que precisam ser esclarecidos antes de se optar por elas. Está curioso? Continue a leitura e fique por dentro de tudo!

Principais mitos e verdades sobre as rodas de liga leve

Confira abaixo o que é verdade ou mentira quando o assunto são rodas de liga leve e veja se essa é uma boa opção para você.

As rodas de liga leve são mais duráveis que as rodas convencionais

Mito! As rodas de aço e as rodas de liga leve se equiparam, isso porque as duas passam pelos mesmos testes de avaliação — agentes químicos, resistência, desgaste, impacto e choque térmico.

Além disso, as rodas de liga leve são submetidas a uma série de condições adversas, especialmente em países onde as rodovias não recebem os cuidados que deveriam, como é o caso do Brasil, com suas estradas e ruas esburacadas.

O desempenho do carro aumenta com as rodas de liga leve

Mito! Quem acredita que ao adicionar rodas de liga ao veículo resultará em maior desempenho está se enganando ou sendo enganado. Na realidade, nos carros convencionais, a melhora, quando existe, chega a ser imperceptível.

Além do mais, é preciso lembrar que ainda são muito raros os carros que trazem rodas de liga leve construídas com materiais nobres a ponto de impactar o desempenho. Normalmente, essas ligas mais caras são quase que restritas a modelos de alto luxo ou esportivos de marcas como Ferrari e BMW. Outra situação em que essa roda é trabalhada para ajudar nos resultados ocorre nos carros de competição.

Mesmo sabendo que um carro de passeio não terá um desempenho maior, optar pelas rodas de liga leve pode trazer outras vantagens, como submeter à suspensão a um esforço menor, coisa que em longo prazo faz toda a diferença.

Rodas de liga leve são, de fato, mais leves

Verdade. As rodas de liga leve costumam ser cerca de 15% mais leves. Entretanto, em algumas situações, essa diferença pode subir para 50%, mas aqui estaríamos envolvendo modelos de competição ou os supercarros. Mas o ponto-chave é que pesar menos não significa custar menos. Na maior parte dos casos, uma roda de liga custa o dobro que uma tradicional de mesmo aro com peso maior.

É possível economizar combustível com rodas de liga leve

Verdade. Como as rodas de liga leve tendem a ser relativamente mais leves que os modelos de aço com calota, o carro despende de menos esforço e, assim, o consumo de combustível é reduzido. Lembrando que isso também ajuda o meio ambiente, pois há menos emissões de poluentes.

Outro fator positivo que vale ser destacado é que esse modelo de roda, auxilia na redução de ruídos em manobras e freadas bruscas. Mas sem esquecer que tudo depende da qualidade!

Rodas de liga leve favorecem o carro na revenda

Depende. Nesse caso, há vários pontos que precisam ser considerados, mas, nos prendendo apenas ao prático, o primeiro aspecto a ser avaliado é o fato de que as rodas de liga custam o dobro de uma de aço — como apontamos — e que esse valor quase nunca pode ser agregado ao preço de um carro usado em uma revenda.

Mesmo assim, o apelo visual pode fazer valer a pena, uma vez que o design está entre os principais fatores que determinam a decisão de compra do consumidor.

Maiores benefícios das rodas de liga leve

Agora que tiramos algumas dúvidas sobre mitos e verdades das rodas de liga leve, vamos conhecer algumas de suas vantagens. Acompanhe:

  • o material do qual são feitas esquenta menos e isso ajuda o sistema de freios a se desgastar mais devagar;
  • o tempo de troca das pastilhas de freio é influenciado devido à tensão menor com o uso diário;
  • mesmo tendo dimensões maiores, as rodas de liga continuam a pesar menos;
  • há uma série de opções no mercado, o que permite que o consumidor encontre aquela que mais está de acordo com o seu perfil;
  • por serem mais leves, elas podem ajudar o motorista a ter uma maior precisão e controle do veículo.

Apesar de ser algo muito positivo, a vasta gama de opções disponíveis no mercado pode levar alguns consumidores a terem dúvidas na hora da escolha. O preço é o fator que, provavelmente, chamará mais a atenção, e o motorista deve ficar atento a isso para não comprometer suas finanças.

Por outro lado, caso você já compre um veículo que venha de fábrica com rodas de liga leve, é bem provável que acabe ganhando no processo. Uma dica interessante aqui, para quem quer incrementar o carro com esse item, é aproveitar as queimas de estoque e as promoções realizadas pelas concessionárias. Afinal, nada melhor do que ter o que se deseja economizando um pouco!

No fim das contas optar por rodas de liga leve é uma questão de gosto pessoal. E como vimos, elas poderão ser úteis em uma futura revenda, ajudando a atrair a atenção de mais compradores e, em algumas situações, até mesmo valorizando o carro.

O fato é que estamos falando sobre um item que é cada vez mais popular entre os modelos de carro. Quando isso acontece e a popularização aumenta, a indústria tende a diminuir os preços — mesmo que não seja algo em curto ou médio prazo — e aumentar os investimentos em novas tecnologias para o desenvolvimento de produtos cada vez mais eficientes e com uma qualidade maior.

Gostou de conhecer um pouco mais sobre rodas de liga leve? Aproveite para acompanhar a HPoint no Facebook e no Twitter para ficar por dentro de dicas, novidades e promoções do mercado automotivo!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"