Entenda o que é alternador do carro e como aumentar sua vida útil!

6 minutos para ler

O alternador do carro é responsável por converter energia mecânica em energia elétrica. Sendo assim, é essencial para um bom funcionamento do veículo. Além do mais, ele apresenta a função de carregar a bateria automotiva.

É necessário destacar que o alternador consiste em um dispositivo eletromecânico, pois necessita da energia mecânica do motor para funcionar de maneira eficiente. Isso ocorre por meio de uma correia, já que é uma peça associada ao propulsor. Em um possível contratempo, pode ser retirado para manutenção ou substituição.

Vamos compreender mais sobre o assunto? Continue a leitura e entenda como aumentar a vida útil do alternador do seu carro!

Quais são as principais partes de um alternador?  

Para entender melhor a respeito do alternador e como realizar ações para sua conservação, é essencial conhecer um pouco sobre as partes que formam o alternador. Confira mais!

Carcaça

Essa parte do alternador tem o objetivo de proteger e fornecer suporte aos componentes internos. Ou seja, serve de mancal para o eixo do rotor e, em seu interior, guarda a placa de díodos e o estator.

Estator

É uma peça elaborada em ligas de ferro ou silício e fios de cobre esmaltado. O estator apresenta uma forma circular e, internamente, têm algumas ranhuras em todo o seu diâmetro. Entre essas estruturas é possível encontrar fios de cobre que contribuem para o bom desempenho.

Rotor

Esse item do alternador é formado por um eixo de aço, dois polos em forma de garras criados com liga de ferro ou silício e uma bobina. No centro do eixo é montada a bobina de excitação. Ela é elaborada com fios de cobre esmaltado e contornada por dois polos em forma de garra. Contudo, quando a corrente originária da bateria percorre a bobina de excitação, o campo magnético provocado por ela envolve os polos e forma o polo norte e o polo sul.

Anéis coletores

Esse item é constituído de cobre. Os anéis coletores são capazes de levar a corrente elétrica da bateria para a bobina de excitação montada no motor. Ele é localizado na extremidade eixo do rotor.

Polia

É uma peça muito importante, pois está inserida no eixo do rotor do alternador, e, por meio de uma corrente de distribuição, o alterador se movimenta de acordo com a velocidade da rotação do motor, que é medida em rotações por minuto (RPM). Esta correia pode ser do modelo trapezoidal.

Hélice de refrigeração

Sua principal finalidade é realizar uma ventilação forçada com todos os componentes internos do alternador do carro. É colocada no eixo do rotor do alternador para, assim, girar com ele. Além do mais, é válido ressaltar que essa peça pode ser montada fora ou dentro do alternador.

Retificador de tensão

Esse item também é chamado de regulador de tensão. A finalidade do retificador é mudar para corrente contínua a corrente alternada criado pelo alternador. Além do mais, faz com que a bateria não sofra uma possível descarga, impossibilitando a passagem da corrente da bateria pelo alternador.

Lembre-se de que o rendimento do alternador pode ser afetado pelas várias perdas que a máquina apresenta. Uma delas é o atraso entre a indução magnética e o campo magnético. Por isso, tente avaliar seu alternador constantemente para se certificar de que ele está funcionando de forma certa.

Quais os cuidados necessários para o bom funcionamento e conservação do alternador de carro?

Algumas ações podem contribuir para a conservação do alternador e aumentar sua durabilidade. Confira, a seguir, dicas para cuidar do alternador e, assim, evitar possíveis contratempos!

Escolha o alternador correto

É essencial adquirir o alternador correto para seu veículo, do contrário ele poderá prejudicar o desempenho do motor e, consequentemente, você terá prejuízos. Dessa forma, busque orientações de profissionais que entendam do assunto e consigam auxiliar você durante o processo de escolher do alternador.

Faça checagens cada seis meses

É primordial realizar a revisão do alternador de seis em seis meses para constatar seu bom uso e que nada prejudique sua eficiência. Entretanto, mesmo realizando a revisão preventiva, é necessário prestar atenção aos sinais de mau funcionamento do sistema elétrico.

Nesse sentido, é válido destacar que o principal sinal de problema de alternador é quando luz de bateria no painel do veículo acende ou fica oscilando. Logo, esse alerta pode demonstrar que está acontecendo um contratempo no carregamento da bateria por parte do alternador, o que pode gerar pane elétrica. Por essa razão, tudo precisa ser avaliado.

Atenção com os acessórios

Não é nada satisfatório inserir no alternador mais acessórios que sua capacidade, visto que essa ação pode fazer com que ele trabalhe mais do que seu limite. Alguns problemas que podem aparecer são elevação no tempo de carga da bateria e dificuldade na distribuição de energia elétrica no carro, além de antecipar um desgaste no alternador. É indicado pelos fabricantes que o dono do veículo procure um profissional especializado em elétrica, por exemplo, a oficina Honda HPoint, para manter as principais funções do alternador do carro.

Mantenha-os presos

O alternador precisa estar bem preso ao esticador, logo, os parafusos de fixação devem ser corretamente apertados. Os terminais, mais conhecidos como plugues, também precisam estar bem presos e, se for necessário, devem ser trocados e ter medidas do fabricante do item. As buchas das tampas (mancais), por sua vez, não podem estar desgastadas, pois há perigo de vibração e quebra durante sua aplicação.

Saiba que nos alternadores com ventiladores externos, a situação do instrumento e seu alinhamento com a tampa e a polia precisam ser verificados, e devem ser trocados caso estejam estragados ou desalinhados.

Portanto, para você escolher um bom alternador de carro, é recomendado buscar um especialista na área. Afinal, não é nada satisfatório adquirir um alternador que não cumpra com suas necessidades e ocasione problemas e prejuízos. Para isso, uma solução é procurar a oficina Honda HPoint, que tem excelentes profissionais, para saber qual é o melhor alternador de carro. Além do mais, procure aumentar avida útil da peça com as dicas mencionadas.

Gostou do nosso post? Então, aproveite para entrar em contato com a gente para saber mais sobre o assunto!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Share This