Honda alcança 2 milhões de vendas no Brasil

6 minutos para ler

Apenas no Brasil, já existem mais de 2 milhões de automóveis Honda circulando pelas ruas e estradas, tornando o nosso trânsito mais seguro e repleto de tecnologia. Esse feito, claro, não é por acaso.

Se você está fazendo as suas pesquisas para comprar um novo carro, certamente, já se deparou com os inúmeros comentários e avaliações positivas em relação à montadora japonesa, que é reconhecida em todo o mundo pelo excelente desempenho, durabilidade, confiabilidade e robustez de seus veículos e motocicletas.

É certo que esse conjunto de pontos positivos não é obra do acaso: a Honda investe muito em inovação, a fim de encontrar sempre novas maneiras de melhorar ainda mais os seus produtos. Isso significa que cada nova geração de um modelo supera a anterior, tornando os veículos da marca verdadeiros sonhos de consumo de muita gente.

Já são, portanto, 2 milhões de Honda fazendo os seus proprietários mais felizes! Neste post comemorativo, contaremos um pouco sobre a história da marca, desvendaremos os segredos desse sucesso e ainda mostraremos os modelos mais reconhecidos do mercado. Acompanhe!

A história da Honda

Em 1946, Soichiro Honda começou o sonho da marca que conhecemos hoje, fundando na cidade de Hamamatsu, no Japão, a Honda Technical Research Institute. Foi apenas 3 anos depois, em 1949, que o primeiro protótipo de uma motoneta foi desenvolvido com a assinatura da empresa — era a Dream D, que tinha motor de 2 tempos e 98 cc.

Já em 1951, o modelo da motoneta vendia em média 130 unidades por dia, ou seja, era um sucesso! O trabalho continuou e em 1952, foi lançada a F-Type, que em poucos meses, já vendia inacreditáveis 6.500 unidades por mês.

Em 1959, a empresa decidiu expandir os seus limites para fora do Japão e inaugurou a sua primeira unidade fora do país, nos Estados Unidos, popularizando o uso das suas motocicletas mundo afora. Não demorou muito para que a marca se espalhasse também para o continente europeu e para a Bélgica.

Em 1961, a Honda lançaria a motocicleta mais vendida de todos os tempos, a Super Cub. Em 2008, o modelo se consagrou com 60 milhões de unidades vendidas por 160 países no mundo todo.

Mas essa é apenas a história das motocicletas. Como você sabe, a marca japonesa tem muito mais a oferecer. Em 1953, a empresa começou a produzir produtos para usos gerais, de força H, como geradores, motores estacionários e motobombas.

Além disso, ainda em 1963, a Honda começou a sua produção de automóveis, ingressando nesse mercado com o modelo esportivo S500 (o primeiro automóvel esporte do Japão) e também com o caminhão leve T360.

Em 1972, a história se transformou completamente — não apenas da Honda, mas como de todo o mercado de automóveis, pois a montadora japonesa surpreendeu a indústria automobilística com o Honda Civic.

Ainda nessa década, a marca começou a demonstrar a sua responsabilidade e consciência sendo pioneira na produção do motor CVCC (combustão controlada por vortex composto), que reduz consideravelmente a emissão de gases poluentes.

Na década de 80, a empresa se expandiu ainda mais, alcançando grandes polos, como a China, a Indonésia e a Índia. Para completar o sucesso, a Honda apresentou ao mundo o Honda Accord — o carro mais vendido no mercado americano na década de 90.

Em 2003, a Honda colheu grandes frutos: a empresa atingiu mais de 50 milhões de automóveis produzidos no mundo inteiro. Portanto, se você pensa que a marca parou por aí, saiba que as últimas 2 décadas na Honda, estão sendo marcadas pela inovação e por pesquisas tecnológicas constantes, que estão resultando em:

  • automóveis híbridos;
  • a primeira motocicleta com airbag do mundo;
  • o jato executivo Honda Jet;
  • o robô humanoide Asimo;
  • um equipamento que ajuda o deslocamento de idosos.

A Honda no Brasil

Certamente, o sucesso da marca no Brasil não é diferente do que ocorreu no restante do mundo. A Honda Motor do Brasil foi inaugurada em 1971, o que fez aumentar a importação de motocicletas em um mercado, no qual esse produto era quase inexistente. Já em 1973, vieram os produtos de força e em 1974, a empresa adquiriu um terreno em Sumaré, São Paulo, para a instalação da sua fábrica.

Três anos depois, 34 mil motocicletas já eram produzidas no Brasil e 79% desse total era da Honda. Na década de 80, a empresa atingiu uma média de 185 mil unidades produzidas anualmente.

Foi a partir de 1992 que os carros da marca começaram a ser importados para cá. Em 1997, a nova fábrica produziu 15 mil unidades do Civic Sedan por ano. Em 1993, outro sucesso da marca se estabeleceu no país: a C100Biz, abrindo as portas para outros modelos de motocicletas da Honda.

Os diferenciais da marca

É realmente uma história incrível, com um crescimento bastante rápido e a conquista da confiança dos consumidores brasileiros. Mas nada disso aconteceu por acaso. A montadora japonesa é reconhecida hoje em todo o mundo por oferecer:

  • carros extremamente seguros, já que a sua Engenharia de Compatibilidade Avançada permite que todos os ocupantes tenham a mesma segurança e que o impacto seja melhor absorvido por todo o veículo;
  • motores mais potentes, que duram mais e garantem uma alta potência com um baixo consumo de combustível;
  • valor de mercado, pois a marca é consagrada mundialmente ao ser avaliada em fatores, como falhas, custos de reparo, milhagem e tempo de uso. Por isso, são veículos que desvalorizam muito pouco, inclusive na revenda.

Os modelos mais reconhecidos do mercado

Todos os modelos da Honda são excelentes opções de compra e cada um atende as necessidades específicas em relação ao tamanho, motor etc. Entre os mais populares no Brasil e no mundo, vale a pena conferir de perto:

Sem dúvidas, a montadora japonesa vai conquistar ainda mais consumidores em nosso país e ver aumentar rapidamente esse número de 2 milhões de vendas no Brasil. O resultado nós poderemos conferir nas ruas e nas estradas, com os modelos da marca ganhando cada vez mais espaço.

Você já teve o prazer de conhecer e dirigir um Honda? Entre em contato com a equipe da Honda HPoint, conheça os modelos (novos e seminovos) e agende o seu test drive!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Share This